RISCO DE VIDA TEM REPERCUSSÃO FINANCEIRA CONCLUÍDA.

DGP concluiu a repercussão financeira para a implantação da gratificação de risco de vida às Assistentes Sociais e Oficiais da Infância e Juventude.

Os autos de SPA 12390/2015 e 12391/2015 foram encaminhados a DOF- Diretoria de Orçamento e Finanças- para manifestação acerca da disponibilidade orçamentária e financeira.

Os efeitos financeiros atingirão 172 (cento e setenta e dois) Oficiais da Infância e 174 (cento e setenta e quatro) Assistentes Sociais.

A gratificação de risco de vida corresponde ao percentual de 5,81% do ANS-10/A, atualmente no valor de R$ 357,65 (Trezentos e cinquenta e sete reais e sessenta e cinco centavos).

Sobre esse valor incide o adicional de tempo de serviço e poderá chegar ao montante de R$ 486,40,  correspondente ao valor do RV mais o adicional de tempo de serviço no percentual máximo de 36%.

Esses valores deverão ser computados para efeitos de VPNI.

A ACAPEJE ingressará no final deste mês com ação judicial visando incorporar a VPNI  e o Risco de Vida às Assistentes Sociais e Oficiais da Infância e Juventude aposentadas.

Filie-se e venha fazer parte de nossas conquistas, afirmou o Vice-presidente e responsável pelo Jurídico da ACAPEJE, Mauri.

Acesse a repercussão financeira das Assistentes Sociais.

Acesse a repercussão financeira dos Oficiais da Infância e Juventude.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *